SUPER BANNER PORTAL POTY
Papagaio Polícia

Dono do papagaio que falou “mamãe, polícia!” é indiciado por tentativa de homicídio

Edson Damião Lima dos Santos está sendo indiciado em inquérito enviado hoje à justiça

21/11/2019 16h09
Por: Redação
Fonte: Cidade verde

Liberado para responder em liberdade ao processo por tráfico de drogas, o dono do papagaio, que ficou famoso por repetir a frase “mamãe, polícia”, responde agora por tentativa de homicídio contra o próprio irmão. Edson Damião Lima dos Santos está sendo indiciado em inquérito enviado hoje à justiça. Ele foi preso no dia 14 de outubro, um dia após o ocorrido.

 

 A tentativa de homicídio foi contra Antônio da Cruz Cipriano de Lima Magalhães que teria flertado com a companheira de Edson, a “mamãe” do papagaio. Segundo a polícia, Edson, que já respondia pelo crime de tráfico de entorpecentes, não gostou da conversa e atacou o irmão com golpe de faca. 

 

O caso foi investigado pelo 23° Distrito Policial e encaminhado à Justiça. 

Em abril deste ano um caso um papagaio criado em uma boca de fumo gritou "Mamãe, Polícia!" ao perceber a entrada de policiais militares na casa em que estava, localizada na Vila Irmã Dulce, zona Sul de Teresina. O animal foi apreendido e levado para o Zoobotânico de Teresina.

Nenhumcomentário
500 caracteres restantes.
Seu nome
Cidade e estado
E-mail
Comentar
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.
Mostrar mais comentários